20.5 C
Brasília
sexta-feira, abril 19, 2024
Banner Anuncio
Mais...

    Black Friday: Febraban dá dicas para o consumidor não cair em golpes

    Às vésperas da Black Friday, a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) apontou série de riscos ao consumidor em relação a golpes por meio de compras on-line e perfis de redes sociais. Oficialmente, a Black Friday ocorre em 25 de novembro, mas as megaliquidações iniciam agora, no começo de novembro, no famoso “Esquenta Black Friday”.

    “Quadrilhas aproveitam o momento de euforia com o grande volume de ofertas para aplicar golpes que causam grande prejuízo, especialmente usando a tática da engenharia social, que consiste na manipulação do usuário para que ele lhe forneça informações confidenciais e para o roubo de dados pessoais”, alerta Adriano Volpini, diretor do Comitê de Prevenção a Fraudes da Febraban.

    A Febraban alerta para páginas falsas que simulam lojas virtuais, promoções falsas enviadas por e-mails, SMS e mensagens de WhatsApp. Há, ainda, a criação de perfis falsos que investem em mídia para aparecer em páginas e stories de redes sociais.

    Veja as dicas da Febraban:

    Cuidados com compras on-line

    — Dê preferência aos sites conhecidos para as compras. Verifique a reputação daqueles não conhecidos em comentários de quem já usou as plataformas

    — Nunca use um computador público ou de um estranho para efetuar compras ou coloque seus dados bancários

    — Sempre utilize, em seu computador ou smartphone, softwares e aplicativos originais e mantenha o antivírus atualizado

    — Verifique com atenção as formas de pagamento oferecidas pelo e-commerce. A Febraban alerta: “desconfie quando existem poucas opções”

    — Sempre cheque políticas de troca e devoluções das lojas

    — Atenção nas redes sociais e com perfis falsos

    — Desconfie das promoções cujos preços sejam muito menores do que o valor real do produto, pois criminosos se utilizam da empolgação dos consumidores em fazer um grande negócio para coletar informações e aplicar golpes que geram grandes prejuízos, tática muito usada em redes sociais

    — Nunca preencha formulários com dados pessoais para ter acesso às promoções da Black Friday

    — Golpistas criam perfis de lojas famosas e patrocinam posts nas redes sociais para enganar o consumidor. Verifique se a página tem selo de autenticação, número de seguidores compatíveis e também comentários de outros compradores

    Fique atento aos pagamentos via Pix e por boletos

    — Se for pagar via Pix, sempre faça o pagamento dentro do ambiente da loja virtual. Quando o varejista fornecer o código QR Code, confira com atenção todos os dados do pagamento e se a loja escolhida é realmente quem irá receber o dinheiro. Só após essa checagem detalhada, faça a transferência

    — Se o pagamento for via boleto, confira quem é a empresa beneficiária que aparece no momento do pagamento do boleto, no aplicativo ou site do banco. Se o nome for diferente da marca ou empresa onde a compra foi feita, a transação não deve ser concluída

    — Dê preferência aos cartões virtuais para fazer compras on-line

    — Se for fazer compra presencial, sempre confira o valor na maquininha de cartão antes de digitar a senha. Também sempre verifique se o cartão devolvido é realmente o seu

    Cuidados com links

    — Ao usar sites de busca, verificar cuidadosamente o endereço (URL) para garantir que se trata do site que deseja acessar — fraudadores usam “links falsos patrocinados” para ganhar visibilidade nos resultados de buscas

    — Tenha muito cuidado com e-mails de promoções que tenham links. Ao receber um e-mail não solicitado ou de um site no qual não esteja cadastrado para receber promoções, é importante verificar se, realmente, se trata de uma empresa idônea. Acesse o site digitando os dados no navegador, e não clicando

    — Fique atento ao e-mail do remetente. Empresas de grande porte não utilizam contas privadas como @gmail, @hotmail ou @terra, e entidades públicas sempre usam @gov.br ou @org.br.

    Ana Paula Oliveira
    Ana Paula Oliveirahttp://www.diariodebonfinopolis.com.br
    Jornalista formada em Brasília tendo a Capital Federal como principal cenário de atuação nos segmentos de revista, internet, jornalismo impresso e assessoria de imprensa. Infraero, Engenho Comunicação, Portal Fato Online e Câmara em Pauta, Revista BNC, Assessoria de Comunicação do Sesc-DF, Empresa Brasil de Comunicação (EBC), Rádio Nacional da Amazônia e Jornal GuaráHOJE/Cidades são algumas das empresas nas quais teve a oportunidade de trabalhar com alguns dos renomados nomes do jornalismo no Brasil, e não perdeu nenhuma chance de aprender com esses profissionais. Na televisão, atuou na TV local de Patos de Minas em 2017, além de experiências acadêmicas. Ana Paula Oliveira nasceu em Bonfinópolis de Minas e foi morar em Brasília aos 14 anos e retorna à cidade natal em 2018. Durante os 20 anos em que passou na capital, a bonfinopolitana não desperdiçou as chances de crescer como pessoa e também como profissional, com garra e determinação. Além disso, conquistou algo não menos fundamental na sua caminhada: amigos. Isso mesmo. Para a jornalista não ter verdadeiros amigos significa ter uma vida vazia. E, com certeza, esse é um dos seus objetivos, fazer novos amigos nessa nova jornada da vida.

    Related Articles

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Stay Connected

    0FãsCurtir
    0SeguidoresSeguir
    0InscritosInscrever
    - Advertisement -spot_img

    Latest Articles