20.5 C
Brasília
domingo, maio 19, 2024
Banner Anuncio
Mais...

    Emater-MG divulga plataforma de vendas on-line da agricultura familiar na Femec 2024

    A Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater-MG), vinculada à Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), vai apresentar, durante a maior feira agropecuária de Minas Gerais, a plataforma de vendas on-line “É do Campo” (www.edocampo.com.br). O site – desenvolvido para ampliar as vendas da agricultura familiar por meio do comércio eletrônico – já conta, atualmente, com cerca de 70 pequenos produtores com seus produtos incluídos para comercialização.

    A página “É do Campo” – no ar desde o final de 2023 – faz parte do Programa de Apoio à Comercialização Eletrônica de Produtos e Serviços da Agricultura Familiar desenvolvido pela empresa. São aproximadamente 400 itens para escolha e entrega no endereço escolhido pelo comprador. Queijos, doces, café, biscoito, cachaça, artesanato, enfim uma grande gama de produtos típicos do interior de Minas Gerais agora podem ser adquiridos de casa, diretamente de quem produz.

    Os produtores cadastrados na plataforma recebem assistência técnica da Emater-MG, de forma a assegurar as boas práticas de produção dos inscritos. Além disso, todos os itens colocados à venda no site possuem algum tipo de habilitação sanitária, que pode ser federal, estadual ou municipal. Na Femec, os produtores interessados em comercializar no “É do Campo” também poderão conversar com a equipe da Emater-MG e verificar se atendem aos requisitos de participação, além de obter as orientações necessárias para se cadastrar no site.

    “A Femec conta com a parceria da Emater-MG, desde a primeira edição da feira. Neste ano, iremos promover os produtos da agricultura familiar com nossa loja virtual “É do Campo”. Os visitantes da feira poderão conhecer o sistema e atestar a qualidade desses produtos, que fazem parte da riqueza gastronômica do nosso estado, também num estande de venda na feira”, explica o diretor-presidente da Emater-MG, Otávio Maia.

    A feira

    Emater-MG / Divulgação

    A Femec será realizada, de 1 a 5/4, no parque de exposições Camaru, em Uberlândia, no Triângulo Mineiro. O evento, considerado a maior feira do agro de Minas Gerais, traz uma série de novidades para o produtor rural, além de exposição e oportunidades de comercialização de produtos das principais marcas de máquinas, equipamentos, implementos e insumos agrícolas do país, além de exposições de bovinos Nelore, Gir Leiteiro e Senepol.

    O Sindicato Rural de Uberlândia, promotor do evento, também preparou um fórum de discussões sobre a transição da matriz energética, temática que vem ganhando cada vez mais relevância no mundo como forma de frear as emissões globais de carbono.

    Durante a feira, a Emater-MG terá um Plantão técnico para o esclarecimento de dúvidas dos agricultores. Haverá, ainda, praça de alimentação com delícias mineiras produzidas na fazenda.

    “Também teremos uma participação no Encontro das Mulheres Rurais. Estamos organizando 17 caravanas de produtores rurais de 21 municípios da nossa região, e um seminário voltado para a pecuária de corte, que será realizado no dia 3/4, com diversas palestras”, destaca o gerente regional da Emater-MG, Gilberto Carlos de Freitas.



    Sobre Ana Paula Oliveira
    Jornalista formada em Brasília tendo a Capital Federal como principal cenário de atuação nos segmentos de revista, internet, jornalismo impresso e assessoria de imprensa. Infraero, Engenho Comunicação, Portal Fato Online e Câmara em Pauta, Revista BNC, Assessoria de Comunicação do Sesc-DF, Empresa Brasil de Comunicação (EBC), Rádio Nacional da Amazônia e Jornal GuaráHOJE/Cidades são algumas das empresas nas quais teve a oportunidade de trabalhar com alguns dos renomados nomes do jornalismo no Brasil, e não perdeu nenhuma chance de aprender com esses profissionais. Na televisão, atuou na TV local de Patos de Minas em 2017, além de experiências acadêmicas.
    Ana Paula Oliveira nasceu em Bonfinópolis de Minas e foi morar em Brasília aos 14 anos e retorna à cidade natal em 2018. Durante os 20 anos em que passou na capital, a bonfinopolitana não desperdiçou as chances de crescer como pessoa e também como profissional, com garra e determinação. Além disso, conquistou algo não menos fundamental na sua caminhada: amigos. Isso mesmo. Para a jornalista não ter verdadeiros amigos significa ter uma vida vazia. E, com certeza, esse é um dos seus objetivos, fazer novos amigos nessa nova jornada da vida..

    Destaques

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    redes sociais

    0FãsCurtir
    0SeguidoresSeguir

    RECENTES