20.5 C
Brasília
segunda-feira, junho 17, 2024
Banner Anuncio
Mais...

    Prorrogadas campanhas nacionais contra pólio e de multivacinação até 24/10

    As campanhas nacionais de vacinação contra a Poliomielite e de Multivacinação foram prorrogadas até o dia 24/10. O novo prazo foi divulgado na sexta-feira (14/10) pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG).

    Até o momento, Minas vacinou 78,34% do público alvo da Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite. Na Multivacinação, 827.106 doses foram aplicadas em crianças e adolescentes. O objetivo do Estado é ampliar a cobertura vacinal e alcançar a meta preconizada pelo Ministério da Saúde (MS) que é vacinar 95% das crianças menores de 5 anos contra a pólio. Para a Campanha Nacional de Multivacinação, a meta é atualizar a caderneta de vacinação dos menores de 15 anos de idade.

    Público alvo

    Contra a poliomielite, devem ser imunizadas as crianças na faixa etária de 1 a 4 anos 11 meses e 29 dias. As crianças com o esquema básico de vacinação completo com três doses da Vacina Injetável Poliomielite (VIP), devem ser imunizadas indiscriminadamente com a Vacina Oral Poliomielite (VOP).

    De acordo com dados do Painel do Ministério da Saúde, em Minas Gerais, 1.045.371 crianças devem receber a vacina contra a pólio. Até esta segunda-feira (17/10), foram aplicadas 818.977 doses.

    Já a Campanha Nacional de Multivacinação é destinada a crianças e adolescentes com até 14 anos, que ainda não estão vacinados ou que estejam com esquemas vacinais incompletos.

    Confira abaixo a cobertura vacinal contra a poliomielite por Unidade Regional de Saúde de Minas Gerais.

    content cobertura poliomielite por urs
    content cobertura poliomielite por urs

    Dia Nacional da Vacinação

    Nesta segunda-feira (17/10) é comemorado o Dia Nacional da Vacinação. A data tem como objetivo conscientizar a população sobre a importância das vacinas no combate a doenças graves.

    O Programa Nacional de Imunizações (PNI), idealizado e implantado pelo Ministério da Saúde em 1973, procura garantir dentro do Sistema Único de Saúde (SUS) a prevenção de diversas doenças por meio da vacinação.

    Muitas doenças comuns no Brasil deixaram de ser um problema de saúde pública graças à vacinação. Poliomielite, sarampo, rubéola, tétano e coqueluche são só alguns exemplos de doenças imunopreviníveis comuns no passado e que, atualmente, podem ser evitadas.

    As vacinas que atualmente estão disponíveis gratuitamente no SUS podem ser verificadas neste link.



    Sobre Ana Paula Oliveira
    Jornalista formada em Brasília tendo a Capital Federal como principal cenário de atuação nos segmentos de revista, internet, jornalismo impresso e assessoria de imprensa. Infraero, Engenho Comunicação, Portal Fato Online e Câmara em Pauta, Revista BNC, Assessoria de Comunicação do Sesc-DF, Empresa Brasil de Comunicação (EBC), Rádio Nacional da Amazônia e Jornal GuaráHOJE/Cidades são algumas das empresas nas quais teve a oportunidade de trabalhar com alguns dos renomados nomes do jornalismo no Brasil, e não perdeu nenhuma chance de aprender com esses profissionais. Na televisão, atuou na TV local de Patos de Minas em 2017, além de experiências acadêmicas.
    Ana Paula Oliveira nasceu em Bonfinópolis de Minas e foi morar em Brasília aos 14 anos e retorna à cidade natal em 2018. Durante os 20 anos em que passou na capital, a bonfinopolitana não desperdiçou as chances de crescer como pessoa e também como profissional, com garra e determinação. Além disso, conquistou algo não menos fundamental na sua caminhada: amigos. Isso mesmo. Para a jornalista não ter verdadeiros amigos significa ter uma vida vazia. E, com certeza, esse é um dos seus objetivos, fazer novos amigos nessa nova jornada da vida..

    Destaques

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    redes sociais

    0FãsCurtir
    0SeguidoresSeguir

    RECENTES