20.5 C
Brasília
segunda-feira, junho 17, 2024
Banner Anuncio
Mais...

    Mora no DF? Veja se você precisa atualizar o Cadastro Único

    A Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes) implantou mais uma medida para viabilizar o atendimento às famílias que precisam atualizar o Cadastro Único. Já está em funcionamento a Consulta Revisão Cadastral 2022, ferramenta que ajuda a encontrar pessoas que precisam do atendimento com urgência para não perderem seus benefícios.

    26.414
    Número de famílias que precisam atualizar o cadastro

    Para verificar se você faz parte desse público prioritário, basta acessar o site da Sedes, clicar no campo Consulta Revisão Cadastral 2022, informar nome, CPF, número de inscrição social (NIS) e data de nascimento. Caso conste seu nome, basta atualizar as informações de contato.

    “Com essa nova ferramenta, as pessoas vão informar seus contatos mais recentes e nós vamos retornar agendando data e local para elas irem a uma unidade socioassistencial”, afirma a secretária adjunta de Desenvolvimento Social, Renata Marinho O’Reilly.

    Quem precisa atualizar

    Nem todas as famílias que recebem o Auxílio Brasil precisam atualizar o cadastro neste momento. Trata-se de um grupo específico que está em revisão/atualização cadastral. O contingente é composto por 26.414 famílias. “Desde o início do ano, estamos atrás desse público prioritário, que já foi de quase 65 mil famílias”, complementa a gestora.

    A secretária adjunta lembra que foram feitas diversas tentativas para agendar a atualização dos dados dessas famílias, como mensagens via aplicativo de celular, ligação telefônica, informativos no extrato bancário e cartas. Porém, nenhuma teve sucesso.

    A Sedes lembra que o prazo para o fim do procedimento terminou na sexta-feira (14), mas as famílias que ainda não fizeram podem ficar tranquilas, pois o benefício não vai ser cancelado e o governo federal estendeu o prazo por mais 30 dias. “Caso o benefício venha a ser bloqueado por esse motivo, as famílias vão receber de forma retroativa quando atualizarem suas informações conosco”, assegura a secretária adjunta.

    A Sedes já deu início ao atendimento de 77 mil famílias que estarão com os cadastros desatualizados nos próximos três meses. Mesmo sendo grande o prazo para essas famílias fazerem o procedimento necessário, o objetivo da secretaria é agilizar o agendamento e evitar correrias.



    Sobre Ana Paula Oliveira
    Jornalista formada em Brasília tendo a Capital Federal como principal cenário de atuação nos segmentos de revista, internet, jornalismo impresso e assessoria de imprensa. Infraero, Engenho Comunicação, Portal Fato Online e Câmara em Pauta, Revista BNC, Assessoria de Comunicação do Sesc-DF, Empresa Brasil de Comunicação (EBC), Rádio Nacional da Amazônia e Jornal GuaráHOJE/Cidades são algumas das empresas nas quais teve a oportunidade de trabalhar com alguns dos renomados nomes do jornalismo no Brasil, e não perdeu nenhuma chance de aprender com esses profissionais. Na televisão, atuou na TV local de Patos de Minas em 2017, além de experiências acadêmicas.
    Ana Paula Oliveira nasceu em Bonfinópolis de Minas e foi morar em Brasília aos 14 anos e retorna à cidade natal em 2018. Durante os 20 anos em que passou na capital, a bonfinopolitana não desperdiçou as chances de crescer como pessoa e também como profissional, com garra e determinação. Além disso, conquistou algo não menos fundamental na sua caminhada: amigos. Isso mesmo. Para a jornalista não ter verdadeiros amigos significa ter uma vida vazia. E, com certeza, esse é um dos seus objetivos, fazer novos amigos nessa nova jornada da vida..

    Destaques

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    redes sociais

    0FãsCurtir
    0SeguidoresSeguir

    RECENTES