20.5 C
Brasília
quarta-feira, maio 22, 2024
Banner Anuncio
Mais...

    Sejusp lança aplicativo com informações dos criminosos mais procurados de Minas Gerais

    Procura-se é o nome do mais novo aplicativo que possibilita aos cidadãos de Minas Gerais participar mais ativamente da Segurança Pública do nosso Estado. Com apenas um clique, é possível ver a lista dos criminosos mais procurados de Minas e receber instruções para fazer a denúncia, de forma anônima e sigilosa, pelo Disque Denúncia 181. Disponível na Play Store e na App Store, para os sistemas operacionais Android e IOS, o app foi lançado nesta semana pela Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp).

    Sejusp / Divulgação

    Após baixar o aplicativo, qualquer pessoa em qualquer lugar do mundo terá acesso a informações como o nome do indivíduo procurado, foto, apelidos, RG, CPF, crimes cometidos e outros detalhes. O Procura-se também possibilita fazer compartilhamentos em redes sociais como o Twitter, Facebook e Whatsapp, além de fornecer aos cidadãos as últimas notícias sobre a segurança pública em Minas. A ferramenta foi desenvolvida pela Diretoria de Sistemas de Informação (DSM), da Subsecretaria de Gestão Administrativa, Logística e Tecnologia (Sulot), da Sejusp.

    A sexta edição do programa Procura-se foi lançada pela Segurança Pública de Minas Gerais no último dia 23/8. Na ocasião, foram divulgados os doze alvos considerados prioritários para o sistema de Justiça mineiro. A lista de procurados tem homens com mandados de prisão em aberto, com ficha criminal que contém práticas reiteradas de crimes.

    O aplicativo reforça os objetivos do programa de prender os criminosos e dissuadir a movimentação dos indivíduos. Por isso, a disseminação das imagens em locais de alto tráfego, bem como no mundo virtual, pode ser muito eficaz. Nas cinco edições anteriores do “Procura-se,” realizadas em 2011, 2012, 2017 e 2021, 51 dos 62 criminosos listados foram detidos, resultando em um índice de 82% de êxito.

    A coordenação do programa Procura-se está a cargo da Sejusp, em colaboração com a Polícia Civil, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros Militar, Polícia Penal, Sistema Socioeducativo, Ministério Público e Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG). Seu propósito central é a captura de indivíduos foragidos da Justiça, mediante ações especializadas das forças policiais, agências de Inteligência e a valiosa contribuição da comunidade por meio de denúncias ao Disque Denúncia Unificado 181.



    Sobre Ana Paula Oliveira
    Jornalista formada em Brasília tendo a Capital Federal como principal cenário de atuação nos segmentos de revista, internet, jornalismo impresso e assessoria de imprensa. Infraero, Engenho Comunicação, Portal Fato Online e Câmara em Pauta, Revista BNC, Assessoria de Comunicação do Sesc-DF, Empresa Brasil de Comunicação (EBC), Rádio Nacional da Amazônia e Jornal GuaráHOJE/Cidades são algumas das empresas nas quais teve a oportunidade de trabalhar com alguns dos renomados nomes do jornalismo no Brasil, e não perdeu nenhuma chance de aprender com esses profissionais. Na televisão, atuou na TV local de Patos de Minas em 2017, além de experiências acadêmicas.
    Ana Paula Oliveira nasceu em Bonfinópolis de Minas e foi morar em Brasília aos 14 anos e retorna à cidade natal em 2018. Durante os 20 anos em que passou na capital, a bonfinopolitana não desperdiçou as chances de crescer como pessoa e também como profissional, com garra e determinação. Além disso, conquistou algo não menos fundamental na sua caminhada: amigos. Isso mesmo. Para a jornalista não ter verdadeiros amigos significa ter uma vida vazia. E, com certeza, esse é um dos seus objetivos, fazer novos amigos nessa nova jornada da vida..

    Destaques

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    redes sociais

    0FãsCurtir
    0SeguidoresSeguir

    RECENTES