20.5 C
Brasília
quarta-feira, maio 22, 2024
Banner Anuncio
Mais...

    Cesta do Trabalhador beneficiará desempregados em vulnerabilidade

    Profissionais desempregados por mais de seis meses passarão a ser beneficiados pelo Governo do Distrito Federal (GDF) no programa Cesta do Trabalhador. A iniciativa consiste no fornecimento de uma cesta básica por até três meses, além da realização de programas de requalificação profissional e intermediação junto ao setor produtivo para que os cidadãos possam ser reinseridos ao mercado de trabalho.

    O programa foi criado pela Lei Distrital n⁰ 7.011/2021 e regulamentado pelo Decreto Distrital n⁰ 42.838/2021. O objetivo é assegurar a proteção social, a segurança alimentar e a dignidade humana da pessoa em vulnerabilidade no DF.

    A participação só será permitida a um indivíduo por núcleo familiar pelo período máximo de até 3 meses, sendo admitido o recebimento de apenas uma cesta de alimentos por mês | Foto: Arquivo/Agência Brasília

    Podem participar cidadãos com idade a partir de 18 em situação de desemprego por mais de 180 dias – comprovado pela ausência de registro na Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) -, que integrem o Cadastro Único de Programas Sociais (CadÚnico), não sejam beneficiários de outros programas de transferência de renda ou suplementação alimentar do GDF e que tenham renda per capita de até um salário mínimo mensal.

    A participação só será permitida a um indivíduo por núcleo familiar pelo período máximo de até 3 meses, sendo admitido o recebimento de apenas uma cesta de alimentos por mês.

    A solicitação para o benefício deve ser feita pelo site da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda (Sedet-DF). Em seguida, o solicitante deve comparecer a uma agência do trabalhador para comprovar os requisitos e tornar-se elegível para a Cesta do Trabalhador. Os insumos serão levados diretamente no endereço cadastrado pelo participante.



    Sobre Ana Paula Oliveira
    Jornalista formada em Brasília tendo a Capital Federal como principal cenário de atuação nos segmentos de revista, internet, jornalismo impresso e assessoria de imprensa. Infraero, Engenho Comunicação, Portal Fato Online e Câmara em Pauta, Revista BNC, Assessoria de Comunicação do Sesc-DF, Empresa Brasil de Comunicação (EBC), Rádio Nacional da Amazônia e Jornal GuaráHOJE/Cidades são algumas das empresas nas quais teve a oportunidade de trabalhar com alguns dos renomados nomes do jornalismo no Brasil, e não perdeu nenhuma chance de aprender com esses profissionais. Na televisão, atuou na TV local de Patos de Minas em 2017, além de experiências acadêmicas.
    Ana Paula Oliveira nasceu em Bonfinópolis de Minas e foi morar em Brasília aos 14 anos e retorna à cidade natal em 2018. Durante os 20 anos em que passou na capital, a bonfinopolitana não desperdiçou as chances de crescer como pessoa e também como profissional, com garra e determinação. Além disso, conquistou algo não menos fundamental na sua caminhada: amigos. Isso mesmo. Para a jornalista não ter verdadeiros amigos significa ter uma vida vazia. E, com certeza, esse é um dos seus objetivos, fazer novos amigos nessa nova jornada da vida..

    Destaques

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    redes sociais

    0FãsCurtir
    0SeguidoresSeguir

    RECENTES