20.5 C
Brasília
sexta-feira, abril 19, 2024
Banner Anuncio
Mais...

    Lívia Matos encerra mandato à frente da presidência da Câmara

    A vereadora afirma que se esforçou ao máximo e a sensação é dever cumprido

    O Diário de Bonfinópolis conversou com a presidente da Câmara Municipal de Bonfinópolis de Minas, Lívia Matos, sobre diversos temas, que interessam a população. Implantação de transporte urbano na cidade, redução da pobreza, geração de emprego e parceria com faculdades permearam a entrevista.

    Além do Bolsa Família, o Cras (Centro de Referência de Assistência Social), com a aprovação e liberação de recursos pela prefeitura, entrega cestas-básicas e outros produtos de primeira necessidade, mas só em casos emergenciais, sem dar continuidade à assistência. Além desse ponto, o desemprego também contribui para a pobreza das famílias.

    Para a presidente, moradores com uma rentabilidade maior poderiam ajudar o poder público a amenizar esse problema.  “Aqui tem gente muito rica, com muitas terras e cabeças de gado, mas não investem no município. Não emprega um caseiro, por exemplo”, opinou. Outro setor que ainda não tem projeto encaminhado é a parceria entre faculdades privadas ou até mesmo universidades públicas para que os jovens não precisem viajar mais de 100 quilômetros todos os dias em busca da formação superior.

    Seu mandato de um ano à frente da Câmara terminou este mês. Antes de passar o bastão, a presidente avalia as principais ações durante o período. “O que eu mais consegui atender à população foi na área da saúde, no atendimento a moradores de comunidades rurais”, revelou. Segundo Lívia, contou com o apoio de um médico obstetra e viabilizou várias cirurgias de laqueaduras, desde o início do seu mandato.

    “Sou aquela vereadora que está do lado do que é certo. Se o prefeito encaminhou um projeto coerente, em favor do povo eu voto favorável. Se não, voto contra, como já ocorreu”, disse.  Consciente da obrigação do órgão público em criar e aprovar leis e projetos em prol do desenvolvimento do município e qualidade de vida dos moradores, Lívia lembra que as demandas nunca acabam e que o papel dos vereadores é fazer a interação entre a população e a prefeitura.

    Perfil

    Lívia Matos, 36 anos, casada, dois filhos de 3 e 7 anos, antes de ser eleita vereadora, nas eleições de 2016, atuava como enfermeira em um dos Postos de Saúde da Família (PSF). Além de presidente da Câmara Municipal de Bonfinópolis de Minas, é professora de ciências biológicas na Secretaria de Educação do município. De uma família de 9 irmãos, a vereadora conta que o interesse pela política surgiu do ceio familiar.

    “Minha avó foi veadora, minha tia, minha irmã”. Ser vereadora e presidente da Câmara aumenta muito a responsabilidade. Além disso, é preciso viajar muito e com isso se ausentar. Deixar os filhos e os familiares e outros familiares. “Teve vez de eu ter de ficar três dias fora de casa”. Sobre a experiência do primeiro mandato na Câmara, Lívia não escondeu a decepção com ao perceber que o desafio seria ainda maior.

    “No início me frustrei muito com as picuinhas e atritos, comuns no mundo político”. Mesmo com os percalços enfrentados a vereadora pensa em se candidatar na eleição de 2021. “Se na minha autoanálise concluir que eu consegui fazer algo pela população de Bonfinópolis eu tenho coragem de dar a cara a tapa e me candidatar, novamente”, concluiu.

    Ana Paula Oliveira
    Ana Paula Oliveirahttp://www.diariodebonfinopolis.com.br
    Jornalista formada em Brasília tendo a Capital Federal como principal cenário de atuação nos segmentos de revista, internet, jornalismo impresso e assessoria de imprensa. Infraero, Engenho Comunicação, Portal Fato Online e Câmara em Pauta, Revista BNC, Assessoria de Comunicação do Sesc-DF, Empresa Brasil de Comunicação (EBC), Rádio Nacional da Amazônia e Jornal GuaráHOJE/Cidades são algumas das empresas nas quais teve a oportunidade de trabalhar com alguns dos renomados nomes do jornalismo no Brasil, e não perdeu nenhuma chance de aprender com esses profissionais. Na televisão, atuou na TV local de Patos de Minas em 2017, além de experiências acadêmicas. Ana Paula Oliveira nasceu em Bonfinópolis de Minas e foi morar em Brasília aos 14 anos e retorna à cidade natal em 2018. Durante os 20 anos em que passou na capital, a bonfinopolitana não desperdiçou as chances de crescer como pessoa e também como profissional, com garra e determinação. Além disso, conquistou algo não menos fundamental na sua caminhada: amigos. Isso mesmo. Para a jornalista não ter verdadeiros amigos significa ter uma vida vazia. E, com certeza, esse é um dos seus objetivos, fazer novos amigos nessa nova jornada da vida.

    Related Articles

    1 COMENTÁRIO

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Stay Connected

    0FãsCurtir
    0SeguidoresSeguir
    0InscritosInscrever
    - Advertisement -spot_img

    Latest Articles