CLDF convoca sessão extraordinária para discutir afastamento de Ibaneis

Nos bastidores, deputados de oposição correm contra o tempo para conseguir apoio e instaurar uma CPI para apurar responsabilidades. Por outro lado, alguns parlamentares já levantam questionamentos sobre a constitucionalidade do afastamento de Ibaneis.

611
CLDF
Foto: Carlos Gandra/CLDF
Publicidade

A Câmara Legislativa do Distritos Federal (CLDF) realiza uma sessão extraordinária nesta segunda-feira (9/1) para debater os desdobramentos dos atos antidemocráticos ocorridos em Brasília nesse domingo (8). A reunião está marcada para iniciar as 15h30.

Além da segurança da população, outro ponto que estará na pauta é o afastamento do governador do Distrito Federal Ibaneis Rocha (MDB). “A convocação no caso de afastamento é algo inclusive que está previsto na Lei Orgânica”, explica o presidente da Casa, Wellington Luiz (MDB).

Como há alguns deputados que estão viajando, a sessão deve ocorrer de maneira híbrida.

Nos bastidores, deputados de oposição correm contra o tempo para conseguir apoio e instaurar uma CPI para apurar responsabilidades. Por outro lado, alguns parlamentares já levantam questionamentos sobre a constitucionalidade do afastamento de Ibaneis.

O argumento é que essa decisão deveria ser tomada pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), não Supremo Tribunal Federal (STF).

FONTEMetrópoles
Artigo anteriorGoverno cria e-mail para receber informações sobre atos de domingo
Próximo artigoZema confirma presença em reunião de Lula com governadores no DF nesta segunda (09/01)
Jornalista formada em Brasília tendo a Capital Federal como principal cenário de atuação nos segmentos de revista, internet, jornalismo impresso e assessoria de imprensa. Infraero, Engenho Comunicação, Portal Fato Online e Câmara em Pauta, Revista BNC, Assessoria de Comunicação do Sesc-DF, Empresa Brasil de Comunicação (EBC), Rádio Nacional da Amazônia e Jornal GuaráHOJE/Cidades são algumas das empresas nas quais teve a oportunidade de trabalhar com alguns dos renomados nomes do jornalismo no Brasil, e não perdeu nenhuma chance de aprender com esses profissionais. Na televisão, atuou na TV local de Patos de Minas em 2017, além de experiências acadêmicas. Ana Paula Oliveira nasceu em Bonfinópolis de Minas e foi morar em Brasília aos 14 anos e retorna à cidade natal em 2018. Durante os 20 anos em que passou na capital, a bonfinopolitana não desperdiçou as chances de crescer como pessoa e também como profissional, com garra e determinação. Além disso, conquistou algo não menos fundamental na sua caminhada: amigos. Isso mesmo. Para a jornalista não ter verdadeiros amigos significa ter uma vida vazia. E, com certeza, esse é um dos seus objetivos, fazer novos amigos nessa nova jornada da vida.